Jump to content

Manimal

Administradores (Adm)
  • Content count

    486
  • Joined

  • Last visited

  • Days Won

    62

Manimal last won the day on April 26 2018

Manimal had the most liked content!

Community Reputation

160 Ótimo

2 Followers

About Manimal

  • Rank
    Membro Nível 3
  • Birthday 09/06/1967

Profile Information

  • Gender
    Male
  • Location
    Videira/SC
  1. Pessoalmente fiz apenas alguns testes pequenos e fiquei na MCI mesmo. Agora que vou lançar a versão definitiva do Scriba, me sobra tempo para pesquisar a VLC e decidir se vale ou não a pena migrar!
  2. @Pedro Pinheiro A ideia é usar a DLL do VLC direto, sem precisar instalar nada, mas parece que o suporte a esta DLL ficou velho, mas teoricamente funciona Segue os links https://www.autoitscript.com/forum/topic/114143-vlc-media-player-udf/ e https://www.autoitscript.com/forum/topic/91316-vlc-media-player/ @Belini Está ficando legal né?
  3. Também não achei nada nas configs do K-Lite. Talvez em outro pacote de codecs. Mas o que o Pedro falou foi uma mudança do Aspect Ratio (AR), que nem todos o players aceitam. Sei que o VLC e o PotPlayer sim, mas duvido que o WMP (padrão MCI) que estamos usando aceite esta brincadeira. Mais um motivo para migrar para a DLL do VLC. E mesmo que mude o AR, as barras pretas são inevitáveis por causa da mudança. Se efetivamente preencher a tela toda, a imagem vai provavelmente ficar distorcida!
  4. Boa pergunta. Olhei todos aqui e não achei a opção de tela cheia. Vamos aguardar o Pedro esclarecer...
  5. Olá Pedro. Eu não tenho este ícone no meu Systray, por isso não percebi. Tenho o hábito de desligar os ícones o máximo possível. Então o que vc deve estar falando é um dos ícones do CODEC em questão, isso? Pode verificar qual é? Isso é muito particular do pacote de codecs que vc está usando. Eu pessoalmente prefiro o K-Lite versão BASIC (http://www.codecguide.com/download_kl.htm) Mas isso é interessante e obrigado por compartilhar!
  6. Vou tentar novamente com a VLC e te passo os resultados!
  7. Pois é... Eu estou usando esta biblioteca em um projeto meu também e percebo certas limitações por causa do MCI nativo do Windows. Certa vez, disponibilizei a DLL do VLC para ti, comecei a considerar utilizar aquela, mas os exemplos e DLL's que encontrei na inet foram broxantes. Tentou alguma vez com a VLC? Chegou a usar? Vale a pena?
  8. Olá Belini. De acordo com as funções que vc passou seria: _Video_PLay($sNomeInterno, 1) ; o 2o parâmetro com nro 1 identifica para tocar em tela cheia
  9. Olá Boogerman. Também é possível utilizar o ControlSend como alternativa ao Send.
  10. Certificado Digital

    Olá Calixto. Neste caso, utilize o programa CertUtil com a opção -dump certutil -p SenhaDoCertificado -dump d:\arquivo.pfx Se quiser (ou precisar), redirecione a saída certutil -p SenhaDoCertificado -dump d:\arquivo.pfx > meucert.txt
  11. IPC - Pode ser interceptado?

    Opa Luigi. Pelo meu entendimento, o IPC pode ser (em teoria) interceptado sim. Por quê em teoria? Porque como existem vários métodos diferentes de IPC (Mailslot, memory sharing, file sharing, registro, TCP, etc) haveria uma possibilidade de interceptar o método em particular, porém acredito que isto na prática não tem sentido em ser feito por 2 (duas) razões): teria que reconhecer (ou saber) qual método está sendo utilizado para poder vigiá-lo; mesmo que soubesse qual método (e protocolo) utilizar, qual o objetivo desta interceptação? Se for para fins de invasão, testes de penetração por exemplo, tem outras maneiras mais interessantes de abrir um sistema. Se for para fins de atacar um determinado processo (ou programa), teria que haver um interesse muito grande a respeito. Utilizo atualmente 2 IPCs diferentes (mailslot e registro) nos meus sistemas. Funções diferentes, métodos diferentes. Mas interessante o seu levantamento... ;)
  12. Olá Belini. Em muitos casos, onde a cópia de segurança (backup) é feita em pendrive ou até mesmo em HD removível, é um cenário muito comum que ao "plugar" o dispositivo (Pendrive ou HD) o Windows designe uma letra de unidade, que nem sempre fica a mesma por vários motivos internos do Windows. Vc já deve ter visto este tipo de cenário. O grande problema é que em 99,5% dos softwares de backup onde ocorre automação é informado uma unidade certa como destino do backup, como H: ou X:. Mas quando o Windows inventa de trocar esta letra em desacordo com a programação do backup, dá confusão certo? Assim eu uso o USBDLM (USB Drive Letter Management - Gerenciador de Letra de Drive USB), para fixar sempre a mesma unidade para determinado dispositivo. Isto é efetuado através da análise de uma das configurações disponíveis. Por exemplo, eu uso muito o nro do serial para fixar a letra. E uso o programa acima USBDriveInfo para identificar o serial. Finalmente eu utilizo esta informação para configurar o USBDLM para sempre que o dispositivo de serial XYZ for inserido, a letra dele sempre será X (por exemplo). Daí parei de me preocupar com os backups que não funcionavam.
  13. Olá Belini. Não tinha testado ainda mas sim. Só chamar com a opção /RD, mas tem mais opções: olha com /?. Este programa vem junto com o USBDLM, que é um programa que eu uso para "fixar" a letra da USB nos clientes e para mim é o mais completo para mostrar informações dos pendrives. UsbDriveInfo.zip
  14. Script adicionar character

    Olá Bllee. Local $sTexto = "" For $nConta = 1 to 5 For $nLetra = Asc("A") to Asc("Z") ConsoleWrite($sTexto & Chr($nLetra) & @CRLF) Next $sTexto &= Chr(Asc("@") + $nConta) Next
×